Buscar
  • luizaferracini

Nutrição tratamento de doenças e emagrecimento

Durante muito tempo nutricionistas e pacientes trataram a alimentação como apenas ingestão de nutrientes (vitaminas, minerais, macronutrientes). Esse tipo de acompanhamento é muito importante, e nunca deve ser esquecido. Porém, é ainda mais essencial quando falamos de tratamentos de doença com a alimentação.


Existem diversas patologias que devem ser tratadas com modificação de estilo de vida junto com medicação. Muitos pacientes esquecem dessa parte, e por isso uma das grandes frases que falo no consultório é "se um médico pedisse para que tu tomasse uma medicação, tu dirias que 'vai tentar'?". A Nutrição no tratamento de doenças não é levada tão a sério, mesmo quando o objetivo é perda de peso.


O emagrecimento é mais efetivo quando a motivação vem direto do paciente, e não como "ordem médica". Por que será que temos esse bloqueio, mesmo se tratando de saúde tanto quanto ingerir comprimidos? Porque é muito mais difícil modificar hábitos incrustados. Outro fator é a falta de credibilidade que muitos pacientes dão a si mesmos, pois como já estão com a patologia, já desistiram de "levar uma vida saudável", pois a conta já veio.


Por isso é tão importante falarmos em tratamento - com ou sem necessidade de perda de peso. O peso é somente um dos parâmetros que utilizamos para medir sucesso na área da Nutrição. Temos exames laboratoriais que podem ser monitorados (colesterol, triglicerídeos, vitaminas e minerais, ...), avaliação física por meio de circunferências e composição corporal.


As metas que devem ser alcançadas também podem variar. Podemos combinar o aumento ou diminuição da ingestão de algum micronutriente (vitamina ou mineral) específico, algum tipo de exercício físico, aumentar o consumo de alimentos minimamente processados, entre muitas outras.


Não tenha receio de buscar a ajuda de um nutricionista para complementar o tratamento de alguma doença, pois enquanto os medicamentos apresentam efeitos colaterais (normalmente tomamos um remédio para melhorar algo que outro desregula) os alimentos não tem esse problema, e podem melhorar também outros parâmetros.


E melhor ainda: além de estar tratando algo que prejudica sua saúde, você também aumenta sua auto-estima, ganha qualidade de vida, disposição e se torna sua melhor versão. Os dois objetivos (saúde e estética) muitas vezes andam juntos, e quando o paciente vem ao consultório "obrigado" por um familiar ou outro profissional, acaba não se dando conta disso.


Quando vemos os ganhos que modificar esse estilo de vida nos traz, é impossível voltar atrás. Cada vez mais vamos querer nos sentir daquela forma, fortes, felizes e dispostos.

 

E você, o que está esperando para sentir tudo isso? Seja por estética ou alguma doença, marque já sua consulta para chegarmos na sua melhor versão... sem sofrimento!



18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo