Buscar
  • luizaferracini

O que é uma alimentação saudável?

Antes de entender os benefícios, temos que caracterizar uma alimentação saudável como um todo. Para muitos, esse termo é sinônimo de uma alimentação perfeita, e hoje sabemos que não é bem assim.


Nem tanto céu, nem tanto inferno. Você conhece alguém que tem uma alimentação perfeita? Eu não conheço, e inclusive nem eu tenho. Com o aumento do consumo de conteúdo nas mídias sociais, estamos vendo somente o que as pessoas querem mostrar. É raro vermos blogueiras ou até nutricionistas consumindo alimentos ditos "não saudáveis", mas garanto a você que isso acontece.


Agora... O que é uma alimentação saudável?


A alimentação saudável é equilíbrio. É entender os seus limites e respeitar a sua saciedade, visando manter um peso e uma composição que você goste para o resto da vida. Sempre falo para os pacientes que "a melhor dieta é aquela que você conseguirá seguir". Se para você é necessário que tenhamos mais carboidratos ao longo do dia, ótimo, desde que você goste disso.


Por muito tempo a alimentação saudável foi baseada na pirâmide alimentar, onde a base da alimentação eram frutas e hortaliças, e no topo (o que deve ser menos consumido) tínhamos gorduras e açúcar. De certa forma isso gerou um terrorismo nutricional com as gorduras, e hoje o conceito da alimentação saudável segundo o Guia Alimentar para a População Brasileira se dá baseado no processamento dos alimentos.


A base de uma alimentação saudável é composta por alimentos minimamente processados, e aqui entram inclusive frutas e hortaliças, que eram a base da pirâmide. Também entram cereais leguminosas, carnes e ovos.


Depois disso temos os alimentos processados, que devem ser consumidos de forma moderada. Aqui temos alimentos que a indústria adicionou algum condimento, e como exemplo temos compotas de frutas, carnes defumadas, alguns tipos de queijos, etc.


Por último, em alimentos que devem ser evitados, temos os ultraprocessados, que são caracterizados como formulações industriais, com pouco ou nenhum alimento caseiro. Nessa categoria entram temperos instantâneos, nuggets, miojo, salgadinhos e sucos industrializados, refrigerantes, etc.


O uso de gorduras e temperos naturais nas preparações é indicado, mas com cautela. Prefira sal temperado ao sal puro, e invista em panelas que não necessitam tanto óleo para cozinhar.


Algo a ser destacado dessa classificação de alimentação saudável é que os alimentos minimamente processados vão apresentar um valor calórico normalmente inferior aos processados e ultraprocessados, o que propicia a perda de peso.


Se o seu objetivo é emagrecimento, aposte na comida de verdade.


Com certeza temos suplementos que vem para ajudar, como o whey protein, mas a base da alimentação deve ser feita com alimentos in natura ou minimamente processados. Além de auxiliar no emagrecimento, o consumo desse tipo de alimento também pode auxiliar na melhora da pele, intestino e outros diversos benefícios.


Adotar uma alimentação baseada em comida de verdade é um caminho sem volta! E você, está esperando o que para modificar seus hábitos? Agende uma consulta para conversarmos e incluirmos esse tipo de alimentos na sua rotina!

30 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo